Além da produção de leite e derivados, rebanho contribui para geração de energia

Interessante pesquisa da Universidade de Minnesota, nos USA, denominado Hubenschild Dairy Farm Digester, foi realizado com a finalidade de proporcionar créditos de carbono e aproveitar os incentivos do governo de Chicago para redução dos gases causadores do efeito estufa.
O projeto, que inicialmente visava utilizar digestores anaeróbicos para aproveitamento do estrume de vacas na fazenda, com a captura de metano e sua troca por créditos de carbono, teve seus objetivos ampliados para incluir o uso de células a combustível no processamento do hidrogênio presente no metano para geração de eletricidade.
Os resultados obtidos, indicando as vantagens econômicas do procedimento, podem ser conhecidos visitando o link do projeto ou clicando na imagem abaixo.
Os projetos completos da universidade em métodos avançados de energia renovável e agricultura sustentavel podem ser acessados aqui.

O Projeto da Fazenda Haubenschild

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s